Definição de empresa social

O termo ‘Empresa Social’ rapidamente ganhou impulso como forma de descrever um novo movimento importante nos negócios e no empreendedorismo. Para aquelas pessoas que têm se perguntado o que é essa onda de empreendedorismo social? – aqui está nossa opinião sobre o que é uma empresa social e alguns exemplos que incorporam o movimento.

“Uma empresa social é uma empresa orientada para a causa, que movimente a economia local, cuja principal razão de ser é melhorar os objetivos sociais e servir ao bem comum.”

A razão de uma empresa social para ser: Pense desta maneira – existe um empreendimento social para alcançar uma missão social – como fornecer assistência médica ou água potável para os pobres, introduzir energias renováveis, criar empregos para os desempregados ou promover iniciativas educacionais.

“A receita sustentável diferencia uma empresa social de uma instituição de caridade tradicional que depende de financiamento externo na forma de doações ou doações para alcançar sua missão social.”

Embora os lucros não sejam a principal motivação por trás de um empreendimento social, a receita ainda desempenha um papel essencial na sustentabilidade do empreendimento. De fato, a receita sustentável diferencia uma empresa social de uma instituição de caridade tradicional que depende de financiamento externo na forma de doações ou doações para alcançar sua missão social.

Isso não significa que as empresas sociais não possam ser altamente lucrativas, simplesmente significa que, quando estão, sua prioridade é o reinvestimento de lucros em sua missão social, em vez de pagamentos aos acionistas.

Um empreendimento social de sucesso é aquele que equilibra a tensão entre manter a missão social de sua organização e maximizar a produtividade de seu empreendimento para garantir a sustentabilidade.

A diferença entre uma empresa social e um negócio ético: Vale a pena notar as diferenças marcantes entre uma empresa social e um negócio ético. Uma empresa social se concentra em uma missão social e usa o comércio como ferramenta para maximizar a sustentabilidade e o impacto. Um negócio ético centra-se em torno da criação de lucro para seus acionistas, mas adota uma abordagem ética para questões como meio ambiente, práticas comerciais e desenvolvimento comunitário.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *